Idioma:

Linux: além de gratuito, uma excelente opção

8 de outubro de 2010 | Em Dicas | 954 visualizações | Por

Clique e compartilhe: 


Muito se fala no sistema operacional Linux, que cada dia mais tem conquistado novos horizontes e atingindo um número de usuários cada vez maior. Se você não faz ideia de como este sistema é e funciona, acompanhe esta matéria desenvolvida pelo Grupo Dicas em Geral.

Afinal, o que é Linux?

O Linux é um sistema operacional, ou seja, uma interface que gerencia o computador e torna possível a sua interação com o usuário. Sendo assim, o Linux controla o gerenciamento dos dispositivos físicos (como memória, disco rígido, processador, entre outros) e permite que os programas os utilizem para as mais diversas tarefas. Outros sistemas operacionais incluem: a família UNIX BSD (FreeBSD, NetBSD, OpenBSD e outros), AIX, HP-UX, OS/2, MacOS, Windows, MS-DOS, e diversas outras opções.

Novell Linux Desktop 2

linus torvaldsO criador do kernel Linux se chama Linus Torvalds. Quando o kernel foi criado, seguiu os padrões de funcionamento POSIX – os mesmos utilizados por todos os sistemas UNIX – e por isso é um sistema operacional bem parecido com os outros da família UNIX (mas não igual). Um fato curioso é a origem do nome Linux: o autor juntou seu nome ao Unix (Linus + Unix) e o resultando foi Linux.

Um dos recursos que deixou o Linux mais popular é sua alta portabilidade, que faz com que o sistema possa ser utilizado em diversas plataformas de hardware: PCs, main-frames, servidores de porte, sistemas embarcados, celulares, handhelds, roteadores, urnas eletrônicas, entre outros. Além disso, ele é um sistema operacional completo, multi-tarefa e multi-usuário, o que significa que vários serviços e usuários podem utilizá-lo ao mesmo tempo. Outra característica importante é sua alta capacidade de conversar com outros sistemas operacionais, tais quais outros sistemas UNIX, redes Windows, Novell, e outros mais.

Além de todas essas funcionalidades, uma das principais e mais importantes características do Linux é ele ser um software livre e gratuito (Open Source – ou em português – Código Aberto). Isto significa que você não precisa pagar para usá-lo, além de ter a possibilidade de não depender de nenhuma empresa que controle o sistema operacional. O código-fonte do núcleo do sistema (kernel) está liberado sob a licença GPL e pode ser obtido na Internet por qualquer pessoa, pode também ter seu código alterado e re-distribuído, modificando ao seu gosto e suas necessidades, caso preciso. Por ser livre, o Linux tem como desenvolvedores vários programadores espalhados pelo mundo, de várias empresas diferentes ou até pessoas isoladas, que contribuem sempre mandando pedaços de códigos e implementações ao Linus Torvalds, que organiza e decide o que ir ao kernel oficial ou não.

Distribuições

O Linux é subdividido em distribuições, ou seja, diferentes versões do sistema operacional, modificado de forma a proporcionar aos usuários finais recursos específicos, sejam eles: educacionais, aplicações para escritório, internet, jogos e muito mais.

Dentre as principais distribuições Linux podemos destacar grandes nomes bastante difundidos, como: Debian, Ubuntu, Slackware, Mandriva, OpenSUSE, Kurumin e muitos outros.

Conhecendo mais sobre o Linux

Se você comprou seu computador agora e não sabe como mexer no Linux, é claro que a primeira ideia é: saia mechendo e descobrindo os recursos. Mas nem sempre isso é animador, principalmente se o sistema é muito diferente daquilo que você está acostumado a conviver e interagir. Portanto, recomendamos a leitura desta apostila (clique aqui), para que você tenha uma noção mais específica do Linux e seus recursos.

Lembrando que para cada distribuição existem recursos diferentes, e a cada nova versão de tais distribuições novos recursos são adicionados e outros retirados. Procure sempre a documentação de seu sistema operacional pelo menu principal ou pela internet.

De Ivaiporã/PR, Engenheiro de Computação, Administrador do Grupo Dicas em Geral. Apaixonado por Tecnologia e Informática.



Deixe seu comentário

Um pouco sobre nós

    O Grupo Dicas em Geral surgiu em 2007 a partir de idéias inovadoras sobre solução de problemas enfrentados diariamente por quem utiliza a Tecnologia e Informática, tanto usuários comuns quanto técnicos. Mas onde surgiu, por quê e qual é o propósito deste site?

Clique aqui e conheça!

Siga o Dicas em Geral no Google+

Vídeo da Semana