Idioma:

Incêndio destrói base de pesquisa brasileira na Antártida

26 de fevereiro de 2012 | Em Engenharia e Ciência | 540 visualizações | Por

Clique e compartilhe: 


incendio base brasileira antartidaUma explosão, seguida de incêndio, destruiu a base de pesquisas que o Brasil mantinha na Antártida. O acidente matou dois militares da Marinha e desalojou a equipe de 59 pessoas composta por cientistas, biólogos e militares que viviam no local.

De acordo com a Marinha, uma falha ainda não identificada nos geradores de energia que alimentam a estação brasileira no polo sul causou uma explosão. Uma hipótese é que o diesel contido nos reservatórios dos geradores tenha se espalhado pela base destruindo as instalações brasileiras no continente gelado.

Em nota, a Marinha confirmou a morte do suboficial Carlos Alberto Vieira Figueiredo e o primeiro-sargento Roberto Lopes dos Santos. Segundo a equipe brasileira de biólogos, além das vidas perdidas, os danos causados pelo incêndio são incalculáveis. Pesquisas feitas com a fauna Antártida foram totalmente destruídas.

Em breve nota, a Marinha, instituição responsável pela manutenção da base brasileira, afirma que todo efetivo nacional mantido na Antártida foi removido para Punta Arenas, cidade no extremo sul do Chile. Uma aeronave da Força Aérea Brasileira deve deixar o Rio de Janeiro para resgatar os brasileiros no Chile.

Neste sábado, venta e neva na região da base brasileira, o que impede técnicos da Marinha de retornarem ao local do acidente para investigarem melhor as causas da tragédia. “Assim que as condições meteorológicas permitirem, a Marinha, com apoio de navios chilenos, enviará uma equipe  à base brasileira para avaliar os danos causados à estrutura da Estação”, informa a nota oficial.

Além de 30 pesquisadores, viviam na Estação Comandante Ferraz, um alpinista, representantes do Ministério do Meio Ambiente e 12 funcionários do Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro. Todos já deixaram a Antártida e estão em segurança no Chile, informa a Marinha.

O foto destruiu totalmente a base, que além de cozinha e dormitório, mantinha laboratório de pesquisas biológicas e climáticas, biblioteca e oficinas para manutenção de embarcações.

O Brasil mantém uma base na Antártida desde 1954. Um inquérito militar irá apurar as causas do incêndio.

Com informações de info.abril.com.br

Webdesigner, Técnico em Hardware e Técnico em Mecatrônica.



Deixe seu comentário

Um pouco sobre nós

    O Grupo Dicas em Geral surgiu em 2007 a partir de idéias inovadoras sobre solução de problemas enfrentados diariamente por quem utiliza a Tecnologia e Informática, tanto usuários comuns quanto técnicos. Mas onde surgiu, por quê e qual é o propósito deste site?

Clique aqui e conheça!

Siga o Dicas em Geral no Google+

Vídeo da Semana