Idioma:

Trabalhando com Variáveis dentro do PHP

6 de fevereiro de 2011 | Em Web | 764 visualizações | Por

Clique e compartilhe: 

As variáveis são bocados de memória que armazenam informação. Esta informação pode variar ao longo de um script PHP, de modo a servir as nossas necessidades.

Tipos de variáveis mais utilizadas:

Caractere 'a', 'b', 'Z'
Inteiro 0, 1, 2
String "PHP É Fixe!"
Real/Flutuante 15.5

Todas as variáveis em PHP começam pelo caracter $ (dolar) seguido de um nome. Esse nome tem de começar _sempre_ por uma letra, e nunca por um numero, ou “_” , embora estes possam estar após o primeiro caracter da
letra do nome.

Nota: todos os caracteres a excepção do “_” não podem ser utilizados como nome de variável.

Exemplos de nomes de variáveis:

$nome
$top10
$valor_do_premio
$valor_do_2_premio

Recomendo que utilizes sempre variáveis S-U-G-E-S-T-I-V-A-S !!! Quero dizer com isto que o nome da variável deve corresponder ao seu conteúdo, e quando se lê o nome da variável, saiba-se do que se esta a falar. Exemplos de
variáveis sugestivas:

$nome
Para o nome de uma pessoa

$idade
Para a idade de uma pessoa

$total_de_peras
Numero total de pêras

Exemplos de variáveis não sugestivas:

$xpto
$bla
$t1
$l

etc..

Para se dar um valor a uma variável., escreve-se o nome da variável., seguido de ‘=’ (o igual é o símbolo de atribuição) seguido do valor pretendido.

Exemplos:

$numero=10; //Atribui à variável $numero o valor 10;
$nick="[Dragon]"; //Atribui à variável $nick a string "[Dragon]";
$símbolo='!'; //Atribui à variável. $símbolo o valor '!';

$soma=$numero+20;
//soma 20 a variável. $numero e guarda o valor em $soma
//$soma passa a ter o valor 30

$soma++; // Igual a $soma=$soma+1; (o inverso se passa com $soma--)
// $soma fica com 31

$soma+=30; // Igual a $soma=$soma+30;
// $soma passa a ter o valor 61

$assinatura="Vasco Pinheiro aka " . $nick;
// concatena as duas strings na string $assinarura
// $assinatura passa a ter a string "Vasco Pinheiro aka [Dragon]"

$assinatura.=$Símbolo; //igual a $assinatura=$assinatura . $símbolo;
// $assinatura passa a ter a string "Vasco Pinheiro aka [Dragon]!"

Nota: Quando uma variável.é string, o seu valor é atribuída sempre entre
aspas. Quando uma variável é achar, o seu valor é atribuído sempre entre
plicas.

Vamos ao nosso 2 exemplo:

<html>
<body>
Exemplo de utilização de variáveis: <br><br>
<?
$inteiro=10;
$real=20.0; /* O "." aqui é usado para separa a parte inteira da decimal.
Não confundir com o "." de concatenação de strings */
$caracter='V';
?>
A variável. $inteiro tem o valor <? echo $inteiro ?>. <br>
A variável. $real tem o valor <? echo $real ?>. <br>
O caracter escolhido é o <? echo $caracter ?>. <br>
</body>
</html>

Acedemos a página e temos o seguinte resultado:

Exemplo de utilização de variáveis:

A variável. $inteiro tem o valor 10.
A variável. $real tem o valor 20.0.
O caracter escolhido é o V.

Nota que o primeiro conjunto de instruções PHP não enviam qualquer output para a página, logo no código HTML que vai para o cliente, nem se dá por ele existir!

Exercício 2:

Pega no exemplo em cima e adiciona duas variáveis, $cor1 e $cor2, no sitio onde estão declaradas as variáveis $inteiro, $real e $caracter. Estas variáveis devem ser strings e conter os seguintes valores: “#FF0000″ e
“#0000FF”. Utiliza estas variáveis para mudar a cor de cada linha, devendo a primeira linha aparecer a vermelho, a segunda a azul e a terceira novamente vermelha. Quando o exercício for efectuado com sucesso, alterar os valores
das variáveis $cor1 e $cor2, e vê o resultado.

Resumo:

Podemos declarar variáveis do tipo caracter, inteiro, achar ou real. Estas variáveis podem ser declaradas em qualquer altura do script, estando o seu valor sempre disponível ao longo deste. Pode-se utilizar uma variável
para definir o código de uma cor, e utilizar esta variável na opção”color” da tag <font,> para que quando mudemos o valor da variável., todo o texto seja afectado automaticamente.

De Ivaiporã/PR, Engenheiro de Computação, Administrador do Grupo Dicas em Geral. Apaixonado por Tecnologia e Informática.



Deixe seu comentário

Um pouco sobre nós

    O Grupo Dicas em Geral surgiu em 2007 a partir de idéias inovadoras sobre solução de problemas enfrentados diariamente por quem utiliza a Tecnologia e Informática, tanto usuários comuns quanto técnicos. Mas onde surgiu, por quê e qual é o propósito deste site?

Clique aqui e conheça!

Dê um +1 no Dicas em Geral
     

Vídeo da Semana